A História de Buriti Bravo

Buriti Bravo Maranhão – MA

 

A história de Buriti Bravo inicia-se em 1822 quando o tenente Joaquim dos Santos comprou uma gleba de terra do Padre Francisco da Rocha e seus herdeiros.

Após a rebelião dos Balaios, os irmãos João Francisco, Joaquim e Regino de Carvalho, que haviam combatido os revoltosos da balaiada, compraram as terras do tenente Joaquim dos Santos e decidiram se instalar na região, estabelecendo fazendas de criação de gado e de produção agrícola. Com a garantia do trabalho escravo, as propriedades prosperaram, atraindo inúmeras famílias de colonos.

O processo de povoamento foi lento durante os vinte primeiros anos, encontrando-se apenas as casas dos primeiros habitantes.

Quando, ainda como Vila, recebeu os seguintes nomes: Nossa Senhora da Conceição e Bacuri das Laranjeiras.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, Buriti Bravo passa a ser Distrito do município de Picos (atual Colinas-Ma).

Em 1931 foi elevado à categoria de município com a denominação de Buriti Bravo, pelo decreto nº 75, de 22-04-1931, expedito pelo então interventor do Estado do Maranhão Astolfo Serra.

Por sugestão de Joaquim Vicente Ayres (filho ilustre do município e secretário de Estado do Interventor Astolfo Serra), o município recebeu a denominação de Buriti Bravo em homenagem aos nativos da terra (índios).

A data de comemoração da fundação da cidade 05 de Julho, foi em homenagem ao levante do Forte de Copacabana no Rio de Janeiro, ocorrido em 1922, também sugerido por Joaquim Vicente Ayres.

Por motivos eminentemente políticos, o Interventor Seroa da Mota, através do decreto estadual nº 226, de 28-12-1931, extinguiu o município e o território volta a ser anexado ao município de Picos (Colinas –Ma), na categoria de Distrito.

Para ser oficialmente decretado município, alguém teria que realizar uma doação das terras para o Estado, foi então, que os moradores fizeram um abaixo assinado solicitando ao Cel. Raimundo Moreira Lima que fizesse a doação das terras.

Atendendo a solicitação dos moradores o Coronel Moreira Lima participou com grande empenho da mobilização e realizou a doação de 920 hectares de terras para o Estado, para que desta forma, fosse criado o município.

O decreto nº 919, de 30-09-1935 expedido pelo Interventor do Estado do Maranhão Aquiles Lisboa, oficializa definitivamente o Distrito, como Município de Buriti Bravo.

O Cel. Raimundo Moreira Lima se tornou então, o primeiro prefeito do município de Buriti Bravo.

Fonte: Livro Buriti Bravo Nesga do Sertão
Autor: Raymundo Carvalho Guimarães